começando o ano

o ciúme do irmão mais velho

Começamos 2016 sendo 5 – ciiinco – e falar de como a chegada da pequena alterou toda a nossa vida, rotina e expectativas , nesse momento, é quase inevitável.

Realmente o caos foi muito menor do que eu previa, aliás, ela veio para me provar que eu posso “dar conta” de muito mais do que eu imaginava, e superação foi minha palavra de ordem desde que a temos conosco.

De todas as mudanças a que mais me inquietava era saber que o Theo perderia seu posto de caçula e os sinais que ele vinha dando não eram dos melhores. Tive medo de dias turbulentos.

ciúme entre irmãos

Não posso dizer que as coisas aqui foram simplesmente tranquilas, houve sim uma mudança de comportamento. Ele passou uns dias bem manhoso, teimoso e até um pouco agressivo com a gente. Isso aconteceu só comigo e eu marido, com a Mel ele sempre se mostrou carinho.

Carinhoso até demais!! Nos últimos dias tenho que ficar sempre de olho pois ele anda amando muito a interação com ela agora que a pequena corresponde aos olhares, grita e sorri muito quando ele passa e se mostra muuuito interessada nos brinquedos – dele – que são apresentados à ela.

Agora, como digo, tenho que viver com um olho no peixe e outro no gato, morro de medo de que ele coloque algo na frente dela que seja pequeno e que ela possa levar à boca.

Acho que as dicas que eu segui para amenizar o impacto da chegada do bebê na vida dele foram ótimos e fizeram toda a diferença para que tudo não fosse pior. Mesmo ele sendo mais velho, se mostrou sim “incomodado” no início, imagino que deva ser um pouco mais dramático para as crianças menores, pois compreendem menos as coisas e o ciúme é inevitável.

Vamos lá então, se você está grávida e  está preocupada com seu primogênito :

  • inclua seu filho nos preparativos para a chegada, parece óbvio mas é uma coisa que exige muita paciência já que no final da gestação estamos, em geral, cheias de coisas na cabeça, mas escolher alguns itens nas compras, auxiliar na arrumação das gavetas pode ser um momento agradável para vocês.
  • o mesmo vale para os cuidados com o bebê quando ele chega em casa, não é tarefa fácil e exige paciência incluir o mais velho nas pequenas coisas do dia a dia. Ele pode ajudar com a troca de fraldas, com a troca de roupas e até com o banho.
  • converse com o mais velho desde o início da gestação, mostre como ele é importante e como ter um irmão é algo maravilho, como eles poderão ser amigos e quantas brincadeiras virão pela frente. Deixe-o seguro de que o lugar dele é só dele…aliás, incentive toda a família a fazer o mesmo!!

Essas dicas parecem bem óbvias, mas no dia a dia e na correria acabamos esquecendo de praticar…esse trabalho deve acontecer todos os dias , antes e depois da chegada do bebê.

amenizar o ciúme do irmão mais velho

Por aqui seguimos vivendo dias mais tranquilos mesmo ainda com alguns episódios de ciúme, tento contornar sempre com paciência.

Acompanhe nosso dia a dia pelo Instagram!! Clica Aqui : @blogpetitninos .

um beijo,

favicon blog petit ninos

irmão mais velho e o ciúme…

14

 

Era uma vez um menino promovido a irmão mais velho feliz. O ciúme demorou mas chegou e o menino deixou de ficar feliz.

fim.

Parece que não é só aqui que isso acontece, né gente? Juro que achei que passaria por mais essa gestação sem saber o que é isso de filho disputando lugar e atenção. Quando Theo chegou a Babi já era grandinha, 8 anos, e foi uma festa…só amor.

No início Theo estava super animado, deu uma desencanada na empolgação quando descobrimos que era uma menina, ele realmente queria um irmão, mas com os dias – e depois de muitos ultrassons ansioso para saber se sexo da Amelie havia mudado! Vai Vendo – foi passando ele falava orgulhoso que iria dormir junto com ela. Continue lendo

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...