Especial Beto Carrero World : # Como Chegar

dicas para viajar de avião com bebês

 

O Beto Carrero World  fica na cidade de Penha em Santa Catarina como já contei aqui.

Na nossa ” estreia” , dois anos atrás, escolhemos ir de carro, ainda não tínhamos a Mel e nessa segunda oportunidade, fomos voando.

Optamos por um que voo saiu de Guarulhos e não demorou mais do que 50 minutos, muito rapidinho portanto uma ótima opção para quem está com bebês ou crianças menores.

 

Image3

 

Viajar com os pequenos pode assustar muita gente, tendemos a carregar o mundo nas costas mas há maneiras de simplificar as coisas e sem dúvidas, informações são aliadas na hora de aliviar o peso das malas.

Para isso, se programe buscando informações no local que você se hospedará, liste o que você levaria e verifique se é possível encontrar esses itens no seu hotel, por exemplo. Utilidades para a alimentação dos pequenos como mixer, talheres e etc. Parece óbvio mas na hora de montar as malas acabamos carregando coisas que não são usadas ou que já encontramos no hotel escolhido, então pense em tudo que você precisará e na dúvida, verifique se pode ser encontrado lá. Outra dica bacana é: invista em produtos portáteis. Mamadeiras precisam ser esterilizadas, certo? Opte por modelos descartáveis como os saquinho esterilizadores para mamadeiras, eles não ocupam quase espaço, podem ser reutilizados algumas vezes antes de ser descartados.

 

dicas para viajar de avião com bebês

Mesmo com essas dicas quem viaja com bebês acaba sempre tendo que levar itens extras, a gente nunca sabe o que pode acontecer, e é normal ficar tensa quando se opta por uma viagem de avião e não de carro, onde abrimos o porta malas e colocamos a vida e pronto!

Pensando nisso e baseada em algumas dúvidas minhas e de amigas ( que aliás estiveram nessa trip comigo :  Lo do Bagagem de Mãe e Rê e Kiki do  For Mães) fiz uma lista de dicas para quem vai voar com bebês.

Preparando a viagem!

  • Comprando as passagens. Uma viagem já começa na hora de comprar as passagens, não é mesmo? Para garantir o sucesso da viagem uma boa ideia pode ser escolher voos que coincidam com os horários da soneca dos pequenos ou ainda optar por voos noturnos, fica bem mais fácil quando eles embalam no soninho.
  • Documentos: Para voos nacionais basta o registro de identidade ou certidão de nascimento, para destinos internacionais. claro, passaportes válidos. Caso apenas um dos pais viaje com a criança para sair do Brasil é necessário uma autorização especial, saiba mais aqui.
  • Na hora do Check-in. Famílias com bebês têm o direito ao check in preferencial ou prioritário direto no balcão, utilizamos a Gol Linhas Aéreas, empresa que nos levou até o Beto Carrero World e foi bem tranquila nossa experiência. Rápido e Fácil.
  • No colo ou na poltrona? Bebês até dois anos podem viajar sem custo em geral, desde que sentados no colo de um dos pais, uma criança apenas por adulto dividindo o assento. Na hora de marcar suas poltronas opte com viajar nas fileiras da frente que possuem maior espaço e em alguns casos permite a utilização do bercinho. Caso não seja possível há a opção dos assentos maiores, no caso da Gol Linhas Aéreas, são os assentos +comfort0, com 10 cm a mais de largura. Testamos e faz bastante diferença quando se está com alguém no colo!
  • Bagagem, desmistificando algumas questões. Amelie viajou no meu colo e portanto não teve direito a despachar mala em seu nome. Estávamos em 5 pessoas porém com 4 malas, mais 4 malas de mão e a bolsa do bebê. Compartilhar espaço nas malas é uma super dica. Os meninos dividiram uma mala média e cada uma de nós,meninas, levou uma mala pequena. Essa regra vale para voos nacionais. Para maior comodidade em voos internacionais algumas empresas disponibilizam a franquia de bagagem para bebês inferior a 2 anos. Você pode despachar bagagem com até 10 kg para todos os destinos.
  • Carrinho e Bebê Conforto ( cadeiras de auto and booster ), o que pode? Carrinhos não contam como bagagem portanto você pode despachar com tranquilidade ou levá-lo com você até a aeronave e ele te será entregue normalmente na esteira, junto com as demais bagagens, o carrinho não precisa ser compacto ou do tipo guarda-chuva, esse procedimento serve para qualquer modelo, apenas lembre de informar a quantidade de peças em que o seu modelo se desmonta para que tudo seja etiquetado evitando que se extraviem. No balcão da Gol nos informaram que poderíamos despachar até 2 volumes ” especiais” ou fora de padrão por passageiro, isso inclui as cadeirinhas de carro por exemplo. Eles embalam e etiquetam tudo na hora do check in. Vale a pena levar um canguru ou sling na mala de mãe assim você ficará com as mãos livres até pegar o carrinho na esteira quando chegar ao seu destino.
  • Papinhas, fórmula infantil, fruta… o que posso levar? Fique tranquila quanto a questão da alimentação dos bebês, você pode levar porções pequenas, para o consumo durante o trajeto e o restante pode ser despachado dentro das demais malas. Vale para papinhas caseiras e industrializadas, para leite e para a frutinha do bebê.

É hora de embarcar! Vamos voar!

  • Dentro do avião, e se o bebê chorar?Devido a pressão tanto na decolagem/aterrissagem quanto durante o voo alguns bebê e crianças podem apresentar desconforto nos ouvidos. Chupeta, amamentação e chiclete ( para os maiores) pode ajudar muito. Eu mesma sofro com isso e não consigo voar sem fazer uso de um chiclete, conforme vou mastigando o desconforto vai passando. Não se preocupe se o bebê chorar ainda assim, as pessoas ao seu redor possivelmente são pais e mães, ou tem crianças nas família, a gente se desespera as vezes, mas o mundo nos entende!
  • Como trocar o bebê? As aeronaves possuem trocadores nos banheiros, troquei a Mel com tranquilidade e além disso encontramos trocadores nos banheiros masculinos nos aeroportos. Até que enfim!
  • Bolsa do bebê inteligente. Isso quer dizer, sem exageros mas com itens suficientes para qualquer imprevisto ou emergência. algumas trocas de roupas, quentes e mais quentinhas pois a temperatura pode variar na aeronave, fraldas, lenço umedecido,pomada, álcool gel, algumas fraldinhas ou cueiros e uma manta,alguns brinquedos e os itens para alimentação do bebê ( mamadeiras, papinhas etc.) e é mais ou menos isso que você precisará.

 

Não tenha medo de viajar com bebês, como sempre falo com organização e fazendo boas escolhas tudo é possível, além do mais os pequenos tendem a se comportar até melhor com a quebra da rotina, em lugares novos do que em casa, a gente também muda sem a rotina do dia a dia.

Se o seu destino para as próximas férias é o Beto Carrero World saiba que voar até lá é uma ótima opção, o aeroporto de Navegantes é pequeno e tudo fica pertinho, táxis e transfers bem na porta. Combinamos antes nosso traslado com a Penha Turismo que também é uma agência e oferece vários passeios pela região. Pagamos aproximadamente R$96,00 reais ida/volta.

Só para lembrar que AQUI você encontra o primeiro post sobre nossa ida ao Beto Carrero com dica de onde se hospedar e aguarde pois essa semana vou publicar muitas dicas sobre o complexo! Para acompanhar nossas aventuras pelo Instagram procure pela hashtag #GuiaDeMãe.

um beijo,

FACEBOOK  II  PINTEREST  II  INSTAGRAM

favicon blog petit ninos

 

Especial Beto Carrero World : # Onde Ficar

hotel perto do Beto Carrero

Já estivemos algumas vezes em Santa Catarina e sou apaixonada pela região. Há dois anos estivemos visitando a região de Penha, mais especificamente o Beto Carrero World. ( olha aqui o post completo)

O complexo está localizado na cidade de Penha, um pedacinho de paraíso, litoral norte de SC, de praias maravilhosas com paisagens de tirar o fôlego.

Continue lendo

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...