1 Comment

  • Nathalia Cavalcanti Vilas Boas disse:

    Perfeito seu texto Marina!!! Também sou mãe de três, dois adolescentes 15/16 anos e uma gatinha de quase 2. Acredito que essa nossa experiência seja fundamental para o processo de aprendizagem com os menores, muito já sabemos não dar certo, muito já sabemos identificar e compartilhar isso para as mamães de primeira é super bacana. Você relacionar essa fase dos dois anos com a adolescência é perfeito, também identifico assim…novas experiências/mudanças, novos aprendizados, novas conquistas e muito à se entender. Parabéns!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *