Nosso calendário do Advento

 

calendário do Advento

 

E não é que piscamos e já estamos falando em Natal novamente? Amo essa época do ano! Faço aniversário uma semana antes do Natal, então a temporada de festas sempre teve um sabor especial pra mim. Aquela mistura de temperos, nozes de todos os tipos, queijos e assados sempre se misturaram ao aroma de bolo e brigadeiro.

Tenho muita memória afetiva envolvida com essa época do ano em que a família se reúne mas depois que me tornei mãe essas datas ganharam um toque especial de amor. Faço questão de manter a magia que vivi na infância, gosto de observar os olhos fascinados em meio ao pisca pisca das luzes de Natal, a alegria em desencaixotar os enfeites para decorar a casa e a ansiedade diante da árvore pronta.

Natal é amor mas diante da perspectiva infantil ele é basicamente magia, e isso eu ajudo a manter.

Temos algumas regras aqui, me lembro de ter ouvido de uma amiga uma história que me fez mudar as coisas e acredito que com isso posso manter muitas das tradições, da magia e ainda assim, minimizar as questões consumistas, que eu sei, acompanham as festas.

Essa amiga contou que ela e uma outra amiga pediram um carrinho de boneca ao Papai Noel e que cada uma teve seu desejo atendido a medida das posses dos pais. A amiga dela, com melhores condições financeiras ganhou um carrinho top de linha – tipo de cair o queixo – e a minha amiga, ganhou um modelo simples.

Na época ela se questionou, e ficou sem entender, além de muito magoada, afinal, parecia que o bom velhinho gostava mais da amiga dela.

Quando conheci essa história percebi que podia fazer algo para nunca correr o risco de ver as crianças passarem por isso e desde então acontece assim, as crianças escrevem os desejos na cartinha, várias possibilidades e nós, Bruno e eu, enviamos uma quantia ao Noel para “pagar” por esses presentes. O valor muda de ano para ano, conforme nossa situação e eles nunca sabem de quanto de dinheiro estamos falando mas sabem que há limites.

Assim penso que a frustração passar batida pois já que cada pai é quem paga pelos presentes deixados na árvore é normal que cada criança receba o que o pai pode pagar, aliás, como funciona em outras datas como aniversário e dia das crianças.

E dessa maneira continuamos tendo visitas anuais de um velhinho que come biscoitos e toma  todo o leite que deixamos, além de alimentar suas renas. É tão emocionante ver a empolgação do Theo –  e antes da Babi –  que jurou por muitas vezes ter visto essa cena ou um pedaço do trenó em pleno voo!

Para manter a ansiedade no lugar faz parte da nossa tradição montar o nosso próprio calendário do advento. Para quem não conhece, Advento significa chegada, vinda e o calendário nada mais é do que uma contagem regressiva a o dia do Natal. Uma tradição provavelmente alemã pelo que pesquisei mas, se você conhece mais sobre a origem, por favor, me conte aí no comentários pois vou adorar saber.

Bom, gravei lá pro nossa canal no YOUTUBE o calendário desse ano e espero assim te inspirar a fazer o seu:

 

Ano passado já éramos 5 na noite de Natal mas esse ano será mais especial pois Mel se encanta com cada detalhe, se alegra com cada luz e brilho! Ahhh vai ser demais fazer essa contagem regressiva até a noite de Natal com eles!

Aproveite para se inscrever lá no Canal ( CLICA AQUI ) pois durante essas semanas haverá um especial natalino com vários vídeos relacionados ao assunto! Se inscreve lá assim você não perde nadinha!

 

 

um beijo,

favicon blog petit ninos

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...